VOZ DA TERRA - jornal impresso e virtual de Monte Verde

Diretor: Egydio Coelho da Silva

CÂMARA MUNICIPAL E VEREADORES: DE 09-2.000 A 03-2001

VOZ DA TERRA EM 08-09-2.000

Os candidatos

...Os seguintes nomes de Monte Verde foram lançados para concorrer à Câmara Municipal:
O advogado Roberto Sérgio de Lucas e o cantor de música sertaneja e popular João Flóis pelo PSC – Partido Social Cristão;
O vereador Rúbens Mungioli e o ex-vereador José Pinto (Zé Pintinho) pelo PMDB;
Margareth Rosa pelo PT;
Francisco de Freitas de Lima pelo PSB e o irmão do atual vereador Tato, Waldeci de Góis Maciel, pelo PPS.  

Eis o nome de todos os candidatos a prefeito e a vereador na Comarca de Camanducaia, que inclui Camanducaia, Monte Verde e São Mateus:

15 - PMDB

PREFEITO

EMYDIO MOREIRA FILH O - 15

VICE-PREFEITO

ADEMILSON DE OLIVEIRA-151

VEREADORES:

CARLOS ANTONIO RAMOS DA SILVA – 15.610

DANIEL LUIZ DA SILVA – 15.633

DIONISIO DA SILVA BARBOSA-15.630

FRANCISCO DE ASSIS FLEMING – 15.644

HELIO WALTER DE ARAUJO - 15.678

ISAEL PEREIRA DA SILVA- 15.5613

JOAO VIGILATO DA SILVA - 15632

JOSÉ PINTO DE GODÓI - N.  15.660

PEDRO FERREIRA MACHADO – 15.651

REDUZINO FERNANDES – 15.611

RUBENS MUNGIOLI – 15.698

WANDERLEI DE OLIVEIRA – 15.650

WILMA MARQUES DOS SANTOS PIAZZAROLI –15.620

COLIGAÇÃO BOA IDÉIA

VEREADORES:

  11 - PPB

  CARLOS ROBERTO DO COUTO

EVILASIO MENDES ROCHA

ITAMAR ANTONIO DE SIQUEIRA

JOSELINO BARBOSA

REGINALDO ANTUNES DE OLIVRIRA

WALDENI NUNES DE MORAES

  40 - PSB

PREFEITO

JOÃO HEDIO PEREIRA (João da Máquina)

VICE-PREFEITO

SEBASTÃO MOTA PAES NETO

VEREADORES:

ADEMIR TEODORO DE OLIVEIRA

ANTONIA DE GOIS OLIVEIRA

CELIO DE ARAUJO RAMOS

CLAUDIO INACIO MESSIAS

FRANCISCO PREITAS DE LIMA

ILDEU PERREIRA DE PAIVA

IZILDO ANTONIO ANGOTTI

JOSE CARLOS MOTA PAES

JOSE DE OLIVEIRA

PAULO DONIZE'ITI DA SILVA

WILMA DE GOES MACIEL

COLIGAÇÃO RENOVAR PARA NÃO ERRAR

14 - PTB

VEREADORES:

14.666 - BENEDITO HUDSON REZENDE

14.700 - CARLOS ALBERTO SANTA CLARA JUNIOR

14.600 - GILMAR PEREIRA

14.677 - LUIZ PARIA

14.614 - ROGERIO MARCELO BORGES

20 - PSC

VEREADORES:

20.610 - JOÃO INÁCIO FRÓES

20.620 - ROBERTO SERGIO LUCAS

PARTIDO DA FRENTE LIBERAL - 25 - PFL

VEREADORES:

25630-ABIGAIL DA VEIGA E SOUZA ROCHA

25612 -ARMANDO VENSARINI

25666 -BENEDITO ALEXANDRE DO AMARAL

25611-GENTIL DE FARIA DIAS

25690-HAMILTON VIEIRA DE SOUZA

25620-JORGE PEDRO DA SILVA

25640-JOSE DO ESPIRITO SANTO

25670-JOAO BATISTA DE MORAIS

25625-ODAIR PAIVA SA

25650-PEDRO PEREIRA DE ALMEIDA

PT – PARTIDO DOS TRABALHADORES

Vereadores:

  MARGARETH ANTÔNIA ROSA  - 13.611

WALDECI DE GÓES MACIEL  - 13.613

  PSDB - PARTIDO DA SOCIAL DEMOCRACIA BRASILEIRA

CANDIDATO A PREFEITO

WAGNER AUGUSTO MACIEL – N. 45

VARIACAO: DR. WAGNER

  VICE-PREFEITO

JOSÉ ROBERTO DOS SANTOS  - N. 451

Candidatos a vereador

GERALDO ROSA DE CARVALHO  - 45.650

JOSÉ CASSIO DA SILVA   -  45.601

JOSÉ JURANDIR DA SILVA  - 45.630

JOSÉ MARIA PINHEIRO DE SOUZA -  45.610

JOSÉ MARIA PINHEIRO DE SOUZA  - 45.610

MARCIO SILVA PERREIRA  - 45.604

MARCIO SILVA PERREIRA - 45604

 

VOZ DA TERRA EM 10-2.000

OUTUBRO DE 2.000

Os eleitos

 

...Monte Verde aparentemente se saiu prejudicada neste último pleito. Além de ser excluída da possibilidade de ter o vice-prefeito, elegeu apenas um vereador.

 

Na última eleição Monte Verde havia elegido três vereadores. Porém, o fato do vereador Rúbens Mungioli obter o maior número de votos para vereador no município demonstrou a força eleitoral de nosso Distrito.

 

Além disso, Rúbens, eleito vereador com o maior número de votos e ainda situacionista, terá prestígio suficiente para pleitear de seus colegas a presidência da Câmara Municipal.

 

Trata-se de uma tendência em todos os legislativos de dar preferência na escolha do presidente para o parlamentar mais votado, que, esperamos, seja observado em Camanducaia.

 

Eis os candidatos a vereador, que foram  eleitos:

 

Nome do candidato a vereador

Partido

Votos

 

Nome do Candidato a vereador

Partido

Votos

Rubens Mungioli

PMDB

613

 

Carlos Ramos (Carlos do Bejo Buta)

PMDB

288

Odair Paiva Sá (ex-prefeito)

PFL

509

 

Dionísio da Silva Barbosa (Dionísio Dias)

PMDB

270

Gentil de Faria Dias

PFL

421

 

Ademir Teodoro (Ademir do Chico Juca)

PSB

261

João Vigilato da Silva (João Costura)

PMDB

372

 

Jocelino Celino Barbosa

PPB

242

Reginaldo Antunes Oliveira

PPB

328

 

Carlos Alberto Santa Clara Jr.

PTB

207

Helio Walter de Araújo (Dr. Helinho)

PMDB

291

 

 

 

 

 

VOZ DA TERRA EM 08-01-2.001

Rúbens é eleito presidente da Câmara

O vereador Rúbens Mungioli, único representante de Monte Verde na Câmara Municipal de Camanducaia, foi eleito seu presidente. E para vice-presidente, o vereador Joselino Barbosa (Celino).

O cargo de primeiro secretário ficou com Carlos Alberto Santa Clara Jr. (Juninho) e o de segundo secretário com Reginaldo Antunes de Oliveira.

Vários motivos contribuíram para que Rúbens fosse eleito presidente da Câmara; um deles, é o fato de ser o vereador mais votado na Comarca, outro é de pertencer ao partido do prefeito Emydio Moreira e o fato de ser eleito por unanimidade mostrou que possui habilidade política. 

Isto veio confirmar a expectativa de que a mesma competência, que mostrou como oposicionista, também terá como situacionista.

A população de Monte Verde espera agora que a administração municipal se faça mais presente no distrito, que está totalmente abandonado pelos poderes públicos municipais. 

As ruas da cidade  e a estrada estão bastante esburacadas e agora com o representante de Monte Verde na presidência da Câmara há bastante otimismo em favor de uma boa administração a favor de Monte Verde.

VOZ DA TERRA – 18 DE FEVEREIRO DE  2.001

Repórter: Suely Silva - Redação: VOZ DA TERRA

Prefeito solicita relatório de bens da prefeitura

 

Uma comissão formada pelos vereadores Ademir do Chico Juca, Carlos Buta, Odair Paiva, Juninho, sendo relator o vice-prefeito Chapinha, entregaram no dia oito de fevereiro ao prefeito Emydio, o relatório sobre os bens móveis da prefeitura.

O documento foi solicitado pelo prefeito Emydio com a finalidade de saber das condições em se encontram o patrimônio da prefeitura. O prefeito quer ficar por dentro de tudo, já que pegou a prefeitura em estado caótico e acredita demorar um tempo para colocar a casa em dia. 

VOZ DA TERRA – 08 DE MARÇO DE  2.001

 

Antecipada a reunião com o presidente da Câmara para às 14h00 na Casa de Pedra no sábado dia 10 de março

 

A reunião da comunidade marcada para sábado, dia 10 de março, foi antecipada para as 14h00 (duas horas da tarde) a pedido do presidente da Câmara Municipal, vereador Rúbens Mungioli.

Rúbens fez essa solicitação porque ele é obrigado a comparecer a uma reunião na Câmara Municipal no mesmo dia às 17h30.

O presidente da ACMV, Egydio Coelho, tentou entrar em contacto com o prefeito Emydio Moreira Filho para solicitar a ele que também comparecesse às 14h00, mas não conseguiu.

É que o Prefeito viajou para Belo Horizonte e só retornará na sexta-feira, amanhã, por volta do meio-dia, conforme informações prestadas por telefone pelo secretário de obras, Herivelton.

Herivelton informou que o Prefeito viajou para Belo Horizonte com a finalidade de tentar conseguir verba para consertar a Estrada Monte Verde / Camanducaia e também procurar obter informações junto à COPASA para viabilizar obras de saneamento básico em Monte Verde.

Herivelton disse que não sabia da reunião em Monte Verde, mas, se o prefeito não puder comparecer e o designar para representa-lo, irá à reunião com muito prazer.

Rúbens Mungioli confirmou sua presença às 14h00 e apenas informou que precisa sair no máximo às 16h00 em virtude de compromissos.

Rúbens também, como Herivelton, disse que o Prefeito foi a Belo Horizonte com a finalidade de viabilizar obras de saneamento básico em Monte Verde.

 

VOZ DA TERRA – 19 DE FEVEREIRO DE  2.001

Texto do debate, coordenado por Walter Monacci  em Monte Verde

 

DE: VEREADOR RUBENS MUNGIOLI, D.D. PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE CAMANDUCAIA.

De: Vereador Rubens Mungioli

Para: Debate

Data: 18/03/01

Projetos Entrados

·              Proj. de Resolução 027/01 - “Cria Comissão de Petições”

De iniciativa da Mesa Diretora (Rubens, Juninho, Reginaldo) este projeto cria uma comissão permanente de vereadores que terá uma única função - receber do cidadão, qualquer reivindicação que possa ser transformada em lei. Sem dúvida, é um avanço democrático, pois evita aquele preceito constitucional (não menos democrático, mas mais difícil) em que o cidadão pode apresentar uma sugestão de projeto de lei desde que seja subscrito por 5% dos eleitores.

Se aprovado, creio que seremos a primeira Câmara (incluindo a Estadual e a Federal) do Brasil a ter um instrumento dessa natureza.

Sem ser uma novidade, esta idéia surgiu, após termos assistido uma entrevista com o Deputado Federal Michel Temer que tinha em mente a criação de uma Comissão de Petições dentro da Câmara Federal.

·              Proj. de Lei 293/01- "Dispõe sobre instituição de comodato sobre imóvel pertencente à Câmara Municipal de Camanducaia e dá outras providências".

Com redação do Vereador Hélio, esta idéia surgiu em uma conversa informal. Visa dar um destino mais proveitoso a um lote de 200 metros quadrados de propriedade da Câmara.

Se transformado em lei, a Câmara estará oferecendo em regime de comodato, o referido terreno, para ser explorado como estacionamento. A totalidade da renda será revertida ao Asilo Santa Therezinha (entidade sem fins lucrativos e sem remuneração da diretoria) que abriga 21 idosos.

Os vereadores entendem que, deveria ser feito um convênio com a Prefeitura, que até o momento não se manifestou. Para quem não sabe, o Asilo é de excelente qualidade e merece todo o apoio. Estamos fazendo a nossa parte. 

 

VOZ DA TERRA – 23 DE MARÇO DE  2.001

Texto do debate, coordenado por Walter Monacci  em Monte Verde

 

Prezados amigos,

Pela leitura do consta das entrelinhas do E-mail do Sr Presidente da Câmara, Vereador Rubens Mungioli, é visível seu desapontamento com a comunidade de Mte Verde já que estaríamos centrados nas reclamações e na proposta de soluções inexeqüíveis ou de visível cunho pessoal.

É o que minha acanhada ótica, smj, registra em análise pela rama. a vôo de pássaro como diria o poeta. 

De qualquer forma há que se agradecer ao Sr. Edil pela oportunidade que nos dá de atuação mais concreta nos problemas e suas soluções o que certamente convalidará cobrança futura diante de possível inércia administrativa.

Assim, depois da fala do Sr. Vereador - que também tem o sabor de convocação, de desafio - só nos resta formar  grupo de trabalho (ou vários), aproveitando a disponibilidade de tempo e a capacitação profissional de cada um, e apresentar sugestões concretas e factíveis ao ilustre  Vereador Rubens Mungioli.

Atenciosamente,

Álvaro Cruz

 

"Chegamos ao mundo com os dia e horas contados; mas o tempo em que se pesca nao conta"  (Velho ditado indígena)
"Conserve os olhos fixos num ideal sublime e lute sempre pelo que desejares, pois só os fracos desistem e só quem luta é digno da vida."
-- Anônimo

VOZ DA TERRA – 24 DE MARÇO DE  2.001

 

A Casa de Pedra foi pequena para tanta gente

   

Preocupada com o abandono da cidade, sem que haja início de obras para refazer a estrada, tapar os buracos nas ruas e regulamentação para coibir animais soltos nas vias públicas, muita gente foi à reunião do dia 10 de março.

Esta reunião foi convocada pelas três entidades de Monte Verde, Associação Comercial, Sociedade Amigos e Associação dos Moradores, que convidaram por ofício o Prefeito e o Presidente da Câmara a comparecer para dialogar com a população.

O presidente da Câmara, Rúbens Mungioli, solicitou antecipação do horário para às 14h00, pois, no mesmo dia tinha reunião na Câmara Municipal para discutir assuntos, que já tinham sido previamente agendados.

Mesmo antecipado o horário, o comparecimento da população foi muito expressivo.

 

Prefeito não

compareceu

 

O prefeito Emydio Moreira Filho não compareceu, alegando que ainda não tinha resposta da COPASA sobre financiamento das obras de saneamento básico. E também porque, no momento, não havia condições técnicas para refazer a estrada.

Garantiu, porém, que, dentro de pouco tempo, se reunirá com todos para expor seus planos a fim de financiar o saneamento básico e executar o trabalho para tornar melhor transitável a Estrada Monte Verde/ Camanducaia.

 

Presidente da Câmara explica as dificuldades da Prefeitura

 

O presidente da Câmara Municipal de Camanducaia, vereador Rúbens Mungioli, esforçou-se muito para explicar as dificuldades financeiras da Prefeitura e os motivos pelos quais obras urgentes ainda não tiveram início. Defendeu o prefeito Emydio Moreira Filho, que, na sua opinião, é pessoa honesta e está trabalhando para acertar as finanças municipais e pretende refazer a estrada e iniciar obras de saneamento básico em Monte Verde.

  Algumas pessoas presentes à

reunião não esconderam seu

desapontamento, pela ausência

física do Sr. Emydio Moreira F.º.

 

Houve inclusive proposta para que se suspendesse a reunião em protesto pelo não comparecimento do Prefeito e que se fosse em comitiva na segunda-feira falar diretamente com ele.

Esta proposta não foi aceita pela maioria, que resolveu externar sua insatisfação ao vereador Rúbens Mungioli.

A reclamação principal é o estado lastimável em que se encontra a Estrada Monte Verde / Camanducaia.

A crítica maior foi em relação à forma como a Prefeitura resolveu tapar os buracos na estrada, colocando terra em quantidade nos trechos esburacados.

A chuva aumentou o problema, com agravante de que a estrada ficou mais escorregadia do que se fosse de terra.

 O estado lastimável das ruas de Monte Verde também foi salientado, principalmente algumas, onde não é possível transitar caminhão transportando gás industrial.

A reclamação dos presentes mais acentuada foi com relação a grande quantidade de animais, principalmente cavalos, transitando em vias públicas, sem nenhuma fiscalização e providência por parte da Prefeitura.

Outra questão levantada foi sobre o que a Prefeitura estava fazendo para responsabilizar o ex-prefeito, pelo desaparecimento da verba destinada à Estrada e que teria sido mal gasta ou desviada de sua finalidade.

O vereador, procurando dar explicações a todos, insistiu que o atual Prefeito tem apenas 60 dias de exercício do mandato e não deu tempo de equacionar todos os problemas.

Quanto à colocação de terra na estrada, explicou que também entendeu que foi um serviço sem qualidade técnica e que isso não irá se repetir.

Disse que a Prefeitura já adquiriu boa quantidade de asfalto e pedra e, passado o período de chuva, se iniciará o trabalho para refazer a estrada.

Afirmou também que tem a promessa de um deputado (cujo nome não quis declinar), que vai conseguir uma ponte de ferro para ser colocada sobre o Rio Jaguari, onde é hoje a ponte do Guilherme.

Sobre a responsabilidade do ex-prefeito, exibiu documento do Governo do Estado de Minas, onde constam por que hoje a Prefeitura de Camanducaia não pode receber recursos e fazer convênio.

O motivo é que a prestação de contas, feita pela administração passada ainda não foi aprovada pelo Estado de Minas por alguns motivos, entre os quais: a) ausência de documento de licitação pública; b) ausência de comprovante de medição de serviços, etc.

A Prefeitura, porém, só tem com o ex-prefeito dúvida jurídica sobre o convênio relacionado com a Escola Princesa Isabel, que ainda está pendente.  

CAVALOS  

Quanto a cavalos soltos nas vias públicas, Rúbens argumentou que muitas vezes é um problema social, pois há pessoas, de pouca posse, que não têm como alimentar direito seus cavalos e os soltam em Monte Verde.

Isto foi contestado pelos presentes que entenderam que a solução de problema social cabe ao poder público e transformar a cidade e a estrada em pasto de cavalos é solução inaceitável e irresponsável.

De qualquer forma houve consenso de que é obrigação da Prefeitura resolver o problema, com auxílio da comunidade, inclusive dos donos de cavalo.

Quanto ao saneamento básico, como já existe um projeto elaborado pela COPASA, Rúbens se comprometeu a solicitar cópia desse projeto via Câmara Municipal.